3 de novembro de 2006

a teia












Uma aranha fez sua teia em meu nariz.

Se estabeleceu calmamente na ponta
Avaliou a vizinhança
Viu que era tão tranqüilo que poderia sossegar.

E aqui está, a teia dela
Delicada e intocada
Já se faz uns bons meses...

A aranha está muito satisfeita.
Mas eu não!

Um comentário:

fabiana disse...

mata a aranha! mata a aranha!